Assecor

Governo ainda avalia o reajuste

SRH apresentará possíveis encaminhamentos em relação à campanha salarial do Ciclo de Gestão e do Núcleo Financeiro no dia 18 de agosto

Na manhã desta quinta-feira (11/8), o presidente da ASSECOR, Eduardo Rodrigues da Silva, o vice-presidente, Antonio M. R. Magalhães, e os dirigentes das entidades representativas do Ciclo de Gestão e do Núcleo Financeiro participaram de reunião com a diretora do Departamento de Relações de Trabalho do Ministério do Planejamento (MPOG), Marcela Tapajós. Era esperado que a representante do MPOG apresentasse uma avaliação sobre a proposta de reajuste salarial entregue no dia 4 de agosto. Contudo, segundo a diretora, o Governo ainda avalia as reivindicações e impactos orçamentários para poder estabelecer prioridades.

Uma nova reunião foi marcada para a próxima quinta-feira (18/8), e nessa oportunidade serão apresentados possíveis encaminhamentos em relação à proposta de reajuste salarial.

De acordo com a diretora, a pauta de negociação não será negligenciada. Há possibilidade de atender reivindicações para 2012, pois o orçamento está em discussão, contudo, não existe decisão tomada. “Estamos em um momento de negociação com a área econômica para conseguir dar conta da enormidade dessa mesa de negociação. Estudamos medidas prioritárias e que conseguiremos suportar. É possível dar passos importantes gastando os recursos de forma responsável”, disse Marcela.

“Nesta mesa encontram-se representantes de carreiras que estão no centro das principais políticas públicas, são áreas estratégicas e com alto nível de qualificação. Compreendemos as dificuldades do Governo, mas queremos ser tratados com a importância que temos”, destacou o presidente da ASSECOR, Eduardo Rodrigues da Silva.

O vice-presidente da ASSECOR enfatizou que o mais importante é que o Governo compreenda a relevância, prioridade e oportunidade para o atendimento da demanda. “Gostaríamos de ter ouvido algo que apontasse para um cenário mais positivo. O impacto não é o que mais preocupa, pois o que devemos deixar claro para o Governo é que esse reajuste é prioritário”, afirmou.

 

foto4

Segundo a diretora, entende-se a necessidade de informações mais precisas e detalhadas, contudo, não é possível apresentar algo sem uma decisão tomada. “Só apresentaremos algo quando tivermos certeza que será efetivado”, finalizou.

O grupo foi recebido pela diretora, pois o Secretário de Recursos Humanos, Duvanier Paiva, foi chamado de última hora para uma reunião.

Modernização das carreiras

Nesse encontro, a diretora do Departamento de Relações de Trabalho entregou aos representantes uma cópia do projeto de modernização das carreiras com as mudanças sugeridas em relação às especificações dos cargos. A proposta trata basicamente da exigência de nível superior para os técnicos e dispõe que as atribuições de cada carreira serão especificadas mediante decreto.

 

Camila Jungles, assessora de comunicação da ASSECOR.

Comentários por Disqus