Assecor

A Assecor protocolou ofício propondo medida emergencial em favor da saúde dos servidores

A Assecor, representante dos servidores ativos e inativos da Carreira de Planejamento e Orçamento da União, protocolou hoje (18), junto ao Ministério da Economia, ofício que propõe ao Ministro Paulo Guedes medida extraordinária com vistas à redução dos riscos epidemiológicos dos servidores da Carreira.

Após declaração da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre a infeção da COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, como pandemia, faz-se urgente a adoção de medidas de prevenção e contenção dos graves riscos decorrentes, de modo a evitar a propagação da doença.

Vale mencionar que o Decreto GDF n° 40.520, de 14 de março de 2020, que suspendeu as atividades educacionais em escolas, universidades e faculdades, das redes de ensino pública e privada no Distrito Federal (DF), acarretando evidentes transtornos para os servidores que trabalham e residem nas regiões administrativas do DF, com filhos em idade escolar ou inferior que necessitem da assistência dos pais.

Além disso, os recursos da tecnologia da informação possibilitam a realização de atividades laborais a distância, por meio do teletrabalho.

Dessa forma, foi solicitado que o direito à adoção do regime de teletrabalho seja estendido a todos os servidores e servidoras da carreira pelos dias que se fizerem necessários para garantir a saúde coletiva.

Ofício e protocolo disponíveis para consulta: 

Ofício_coronavirus.pdf e Protocolo.pdf 

 

Comentários por Disqus